Os Clubes Morrem

28fev - por Lucas Eduardo - 0 - Em Clube Sem categoria

Após muito tempo sem postar nada esse vai ser o primeiro post do ano. Sempre gosto de escrever meus pensamentos e minha visão sobre o rugby e o meu time, mas dessa vez vou dar um Ctrl+c, Ctrl+v num texto muito bom e que cai muito bem, sobre a morte dos times.
Por mais de uma vez já vi meu time (o Centuriões) agonizando e somente uma vez pensei em desistir, mas graças aos meus amigos, irmãos, Centuriões (atletas) o time não morreu (e nem vai), pelo contrário se reergueu e hoje vivemos um dos melhores momentos do time, desde sua fundação.
Sem me demorar mais, fica aqui o meu respeito em relação aos times que morreram sejam eles do Ceará ou de outros cantos do país. Aos times que se encontram em estado crítico fica o conselho e os votos para que não desistam, não deixem algo tão especial quanto um time de Rugby morrer.Lutem até o fim. Superar as dificuldades e colher os frutos quando se consegue reerguer é muito gratificante.
Rs… Lembro-me das palavras de um amigo quando perguntei se ele ia ficar ele me respondeu “verás que um filho teu não foge a luta…”

 

“Os CLUBES morrem: (placa do Clube Morón)

Porque seus membros Não comparecer às reuniões
Não se envolvem em cargos e funções
Quando o DIZER é mais simples que o FAZER
Quando falta COMPROMETIMENTO e DISCIPLINA.
Porque os membros sempre procuram os defeitos.
Porque as pessoas acreditam ser superiores aos outros
Porque queremos que respeitem os nossos DIREITOS mas não gostamos de cumprir as nossas OBRIGAÇÕES.
Quando brigamos com os outros sem concordar as PROPOSTAS
Quando não incentivamos nem apoiamos ao ESFORÇO a fim de desenvolver ao Clube
Se os membros não pagam as MENSALIDADES
AGORA QUE VOCÊ SABE SOBRE A MORTE DE UM CLUBE, QUAL SERA SUA ESCOLHA?”

postado por Leandro Conde no grupo do facebook Aulas de Rugby.